sexta-feira, 18 de março de 2011

Soberania

"Foi aí que encontrei Einstein (ele mesmo
— o Alberto Einstein). Que me ensinou esta frase:
A imaginação é mais importante do que o saber.
Fiquei alcandorado! E fiz uma brincadeira. Botei
um pouco de inocência na erudição. Deu certo. Meu
olho começou a ver de novo as pobres coisas do
chão mijadas de orvalho. E vi as borboletas. E
meditei sobre as borboletas. Vi que elas dominam
o mais leve sem precisar de ter motor nenhum no
corpo. (Essa engenharia de Deus!) E vi que elas
podem pousar nas flores e nas pedras sem magoar as
próprias asas. E vi que o homem não tem soberania
nem pra ser um bentevi."
Coisando com Manoel de Barros

2 comentários:

Debora Mota disse...

"E vi que elas podem pousar nas flores e nas pedras sem magoar as próprias asas."
Palavras sábias e belas!

Sonia Guzzi disse...

Desconstruindo...Para começar de novo.
Beijo, em divina amizade.
Sonia Guzzi