quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

O amor de prostituta

"A prostituta decaída, se encontrou com o flagelado mendigo amado da infância !"
(Márcia Mascarenhas)

3 comentários:

Amapola disse...

Bom dia, amigo.
Nossa... decadência dupla!

Um grande abraço.

Marinha disse...

Uau! Que forte!
Belo blog!
Bjo

. disse...

o amor é sempre amor... mesmo parecendo podre, decadente e desprezível....