quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Acordei Arvore

Ontem acordei arvore.
Senti minha seiva bruta
Dei frutos
Fiz folhagens
Dei o "ar da graça"
Mas...enfim...
Veio um velho lenhador, e me cortou ao meio.

Coisas minhas- Márcia Mascarenhas

4 comentários:

Késia Mota disse...

Adorei!

Muitos "lenhadores" me cortam ao meio, no decorrer da vida. Hoje, tento emendar. rs

Parabéns, excelentes versos.

Dja disse...

Acho que pela vida isso muito acontece.

beijos e meu carinho

Ivo Serentha and Friends disse...

My compliments for your blog and pictures included,I invite you in my photoblog "photosphera".

CLICK PHOTOSPHERA

Greetings from Italy

Marlow

Toyin O. disse...

Nice looking blog.