domingo, 23 de agosto de 2009

Meu mel


Senti uma alma se abrir
Era ela, que me aguardava
todo dia
A se balançar com
a minha presença!
Meu mel, Minha Mel!

Nenhum comentário: